Mudança de apartamento

No último domingo comecei meu processo de mudança de apartamento. Eu já estava há mais de 3 anos morando sozinho num “apertamento” e, apesar de ter sido o lugar onde vivi por mais tempo depois de ter entrado na faculdade e apesar ter gostado bastante da experiência de ficar sem ninguém em casa, às vezes era meio foda porque eu me sentia sozinho até demais. Não foram poucos os momentos de bad vibe e de perder o sono ao pensar na minha vida e o que tava acontecendo de errado com ela. Na maioria das vezes era porque eu pensava que o futuro estava se aproximando rápido demais e eu não estava aproveitando nada e muito menos conseguindo conquistar alguma coisa em qualquer um dos aspectos da vida.

Mas isso já faz muuuuito tempo. Nem lembro quando aconteceu da última vez. No entanto eu já tinha ficado saturado de ficar naquele pequeno espaço onde eu morava e precisava de algo maior. Muito maior.

E foi então que eu consegui uma vaga num quarto enorme no apartamento de um pessoal que já tinha morado comigo no meu primeiro semestre em BH.

Meio bagunçado porque eu ainda tava me mudando.
Meio bagunçado e vazio porque eu ainda tava me mudando.

Continuar lendo

Santos, julho de 2015 – prólogo

Cá estou eu no meu humilde apartamento ouvindo a terceira música do mais recente álbum do Grupo Porco de Grindcore Interpretativo enquanto vejo fotos no instagram de uma das pessoas que conheci no hostel onde fiquei na minha primeira viagem pra Santos, que também foi minha primeira viagem sozinho, que também foi minha primeira vez no Starbucks e que também foi a primeira vez de muitas primeiras vezes em situações surpreendentes e interessantes com pessoas surpreendentemente interessantes e igualmente inesquecíveis nas mais diversas formas da palavra.

grafitti - zé caramujo

Continuar lendo

[DVC] Homenagens a Stanley Kubrick no mundo nerd

Há três anos, no início da faculdade de Jornalismo, entrei para a equipe de um site de cinema chamado Cine Fanático (R.I.P.) para escrever notícias e cuidar de uma coluna semanal com conteúdo nerd. Hoje em dia é difícil dizer o que é ser nerd porque qualquer um com uma camiseta do Capitão América já se enquadra na categoria, mas divago.

A minha coluna se chamava “De Volta Para o Cinema” e até ganhou uma vitrine (essa imagem aí com o Doctor Brown), a qual eu dei uma modificada pra ficar mais bonitinha aqui. O texto de hoje é o quarto que eu escrevi, em comemoração ao nascimento de Stanley Kubrick. Não foi nada fácil criar essa pauta, mas fiquei contente com o resultado, apesar de que um vídeo teria ficado bem mais legal do que um texto.

Continuar lendo

Preciso de uns conselhos pra combater o desperdício de alimento no meu local de trabalho. Opine e/ou mande ideias. Grato.

Agora que eu resumi todo o texto no título, você pode ler o relato completo se isso te interessou de alguma forma.

Vejam o vídeo abaixo. Sério, não pulem.

Essa foi uma campanha de redução de desperdício de alimentos iniciada a partir da venda de “alimentos feios” – porém igualmente saudáveis e nutritivos – por um preço menor. Tenham também em mente que o Parlamento Europeu declarou 2014 o Ano contra o Desperdício de Alimentos.

Agora o negócio é o seguinte:

Continuar lendo